Rolim de Moura - RO, Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2021 - 00:00

Turismo em Rondônia: É necessário preservar a natureza para cativar o turismo

.

Fonte: Pexels - Em Geral - 21/01/2021 11:29:00 hrs

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
Turismo em Rondônia: É necessário preservar a natureza para cativar o turismo
Pexels

Rondônia tem um potencial turístico inquestionável graças às diferentes belezas naturais que possui. Mas, para a região conseguir cativar turistas é necessário criar uma maior consciencialização da importância da preservação da natureza.

No passado, era frequente os fazendeiros locais matarem espécies selvagens, como a onça-negra, com o intuito de protegerem o seu gado. Isto levou, entre outros motivos, a que atualmente a espécie se encontre em vias de extinção.

Felizmente, agora existe uma maior consciencialização e conhece-se a importância da preservação das espécies silvestres, levando à criação de espaços dedicados à sua preservação, como é o caso da Reserva Ecológica do Jaguar, em Poconé.

Para que se dê essa consciencialização é necessário um trabalho da comunidade em se conectar com a própria natureza. Sendo o Brasil o país com a maior diversidade do planeta, existem muitas frentes que podem ser trabalhadas em comunidade e que podem inclusive ajudar a impulsionar o turismo e a economia da região.

Aumentar a conexão com a natureza entre a população

O desconhecido leva frequentemente a um sentimento de medo e desconexão. Só quando conhecemos melhor as características de um local, como as espécies que nele habitam, nos podemos conectar e sentir que a sua preservação é importante.

Isso nos remete para um ponto fundamental, educação. Educar a população para a preservação da biodiversidade do seu território, mostrando o papel de cada espécie que nele habita, assim como, a importância da sua preservação ao nível global, é essencial para um aumento da conexão entre a população que começa assim, a sentir vontade de a trabalhar.

Esta educação deve ser feita de modo adequado aos diferentes membros da comunidade para que a mensagem seja efetivamente passada. Não basta dizer que preservar a biodiversidade é necessário, há que arranjar soluções para os potenciais problemas que a população vivencia.

Passa, por exemplo, por mostrar aos fazendeiros que outras formas têm de proteger o seu gado sem a necessidade de matar animais selvagens, investindo também em medidas de apoio à criação de gado.

Mostrar à população em geral a importância da natureza na nossa saúde, nomeadamente na diminuição dos níveis de estresse, ansiedade e melhoria da qualidade do ar que respiramos.

Informar através de jogos ou filmes de animação para que se fiquem a conhecer os diferentes animais que habitam no local mostrando como espécies que vivem lado-a-lado com a população fazem parte do imaginário de tantas pessoas em redor do mundo que não têm a possibilidade de habitar numa região tão rica como esta.

Mostrar como a preservação da biodiversidade pode ser positiva para a economia da região através da promoção do turismo de base comunitária, envolvendo as comunidades locais na promoção dessas mesmas atividades sustentáveis.

A importância de uma vida mais ligada à natureza

Estudos referem que cerca de 80% da população brasileira habita em áreas urbanas. O distanciamento crescente dos ambientes vividos pelos nossos ancestrais é gritante e isso muito se deve também com o advento de novas tecnologias.

Sendo impossível contrariar que vivemos numa era cada vez mais tecnológica, será que podemos utilizar a tecnologia como aliada para a preservação da biodiversidade? A resposta é sim.

Existem diferentes ferramentas que a tecnologia nos trouxe que podem ajudar a que a população se sinta mais conectada com a biodiversidade da sua região, fomentando o desejo de a preservar.

Um ótimo exemplo disso são os aplicativos para o celular. O aplicativo Merlim Bird ID, por exemplo, disponível para os sistemas operativos Andoid e iOs oferece conteúdo para mais de 6 mil espécies de aves incluindo as aves encontradas no Brasil.

Pode visualizar cada espécie com foto, som respetivo e o mapa onde é possível encontrar cada espécie.

Outra excelente forma de aliar a tecnologia à natureza é através degames que retratem de alguma forma a biodiversidade e mostrem a sua beleza enquanto que divertem quem os joga.

O jogo de sobrevivência Green Hell é todo ele ambientado na Amazônia e é excelente para perceber a beleza da região Vitória-Régia. Já o game Hidden Expedition: Amazon é um jogo de expedição na Amazônia com o objetivo de encontrar um professor desaparecido, indicado para quem gosta de aventura.

De estilo um pouco diferente, os games mais simples como ‘Os caminhos da Jiboia’ que abordam o povo indígena Huni Kuin disponíveis para PC, ou o caça-níquel ‘Cats’ que utiliza a imagem da onça-negra que pode ser jogado de forma gratuita em diversas plataformas online dedicadas a jogos de cassino, são bons exemplos de divertimento onde elementos importantes da região são retratados como personagens principais.

A conexão com a natureza é essencial para a sua preservação existindo diferentes formas, incluindo tecnológicas, que podem ser usadas junto da populaçãopara a trabalhar.

Operação conjunta da PC, PM e PRF prende irmão da prefeita afastada de Cacoal e apreende cerca de 150 Kg de drogas

COMENTE
COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve, em especial, aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu. A DIREÇÃO
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Mais Notícias da Categoria: Geral

TV TRIBUNA TOP

Carregando...