Rolim de Moura - RO, Quinta-Feira, 20 de Junho de 2024 - 00:00

Operação desvenda furto de energia em uma fábrica de Pimenta Bueno

Energia que estava sendo furtada no local equivale ao abastecimento de 190 casas populares durante um mês.

Fonte: Assessoria para a redação Tribuna TOP - Em Geral - 02/04/2024 07:07:00 hrs

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
Operação desvenda furto de energia em uma fábrica de Pimenta Bueno

Em uma operação de combate ao furto de energia, autoridades policiais e equipe técnica da Energisa constataram um desvio de energia em uma fábrica de Pimenta Bueno. O furto de energia foi confirmado pela Polícia Técnico-Científica (POLITEC) que resultou na prisão do responsável pelo estabelecimento, que foi conduzido pela Polícia Militar à Delegacia de Polícia Civil para prestar esclarecimentos. Para ser ter uma ideia, a energia que estava sendo furtada no local equivale ao abastecimento de 190 casas populares durante um mês.

A prática de furto de energia é crime, tipificada no Código Penal Brasileiro nos artigos 171, referente a fraudes (estelionato), e o parágrafo 3º do artigo 155, em casos de furto. Os infratores estão sujeitos a penas que pode chegar a até 4 (quatro) anos de reclusão, além da obrigação de pagar os valores retroativos ao período da irregularidade.

As autoridades reforçam a gravidade deste crime e a necessidade do apoio da comunidade para erradicá-lo. A Polícia Militar e a Energisa, concessionária de energia no estado, incentivam a população a colaborar, fazendo denúncias anônimas de situações suspeitas.

Tais denúncias podem ser realizadas por meio do número 190 da Polícia Militar ou pelos canais de atendimento da Energisa, incluindo o Chat Gisa: https://gisa.energisa.com.br/, o aplicativo Energisa On, disponível para download em lojas de aplicativos, o Call Center (0800 647 0120), e pelo site oficial www.energisa.com.br.

COMENTE
COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve, em especial, aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu. A DIREÇÃO
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Mais Notícias da Categoria: Geral

TV TRIBUNA TOP

Carregando...