Rolim de Moura - RO, Quarta-Feira, 30 de Setembro de 2020 - 00:00

Homem morre após receber descarga elétrica de cerca improvisada no muro de residência no Bairro Beira Rio

No local, os militares encontraram Alan Carlos Castilho, de 25 anos, caído ao solo e foi constatado pelos bombeiros, que o homem já não apresentava sinais vitais.

Fonte: PlanetaFolha - Em Polícia - 18/01/2019 07:28:00 hrs

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
Homem morre após receber descarga elétrica de cerca improvisada no muro de residência no Bairro Beira Rio

O fato ocorreu na madrugada desta quinta-feira, 17, na Rua Calos Alves de Freitas (Açaí), no Bairro Beira Rio, em Rolim de Moura.

A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros foram acionados para comparecer ao endereço pois havia a informação de uma pessoa caída próximo ao portão de uma residência.

No local, os militares encontraram Alan Carlos Castilho, de 25 anos, caído ao solo e foi constatado pelos bombeiros, que o homem já não apresentava sinais vitais.

Uma equipe da Polícia Técnica (Pericia) também esteve no local do fato e constatou que, possivelmente, a vítima tenha morrido em decorrência de descarga elétrica. Foi observado sinais de escalada no muro e que este possuía uma cerca elétrica energizada de forma artesanal. Não havia ninguém na casa no momento do ocorrido.                     

Alan Carlos possuía passagens pela polícia de Cacoal e Espigão do Oeste pelos delitos de furto e tráfico de entorpecentes. Alan Carlos Castilho, de 25 anos, foi encontrado morto possivelmente vítima de um eletrocutamento, caído próximo a um portão de uma residência na Rua Carlos Alves de Freitas, antiga Rua Açaí, no numeral 6780, Bairro Beira Rio, em Rolim de Moura (RO).

De acordo com as informações, a residência que não possui morador já havia sido alvo de vários furtos, então o proprietário decidiu instalar uma cerca elétrica ligado diretamente na rede elétrica. No muro havia sinais de escalada, talvez provocado pelo suspeito que poderia estar tentando pular o muro para realizar furtos.

Uma equipe do Corpo de Bombeiro foi acionada, chegou a ir ao local, mas a vítima já não mais apresentava sinais vitais.

Polícia Militar, Polícia Civil e a Perícia Criminal foram acionados para os trabalhos de praxes que poderá confirmar as causas da morte do suspeito.

Alan Carlos possuía passagens pela polícia de Cacoal e Espigão do Oeste pelos delitos de furto e tráfico de entorpecentes. Atualmente o mesmo morava na cidade de Cacoal, onde um irmão do mesmo virá buscar o corpo para o velório e sepultamento.

 

Se confirmado a instalação irregular da cerca elétrica e a morte do suspeito devido a provável cerca, o proprietário ou o responsável pela residência poderá ser responsabilizado judicialmente.

COMENTE
COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve, em especial, aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu. A DIREÇÃO
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Mais Notícias da Categoria: Polícia

TV TRIBUNA TOP

Carregando...